Corinthians muda o foco e tenta mostrar força diante do Racing

Com três derrotas e apenas uma vitória no segundo turno do Campeonato Brasileiro, desempenho ruim o suficiente para deixar alguns torcedores desconfiados, o Corinthians tentará esquecer momentaneamente a disputa pelo título nacional a partir das 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira. A partida contra o Racing, da Argentina, é válida pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Ainda que o torneio continental não seja a prioridade do Corinthians, o técnico Fábio Carille avisou já após o tropeço por 2 a 0 diante do Santos, no domingo, na Vila Belmiro, que não preservaria nenhum atleta neste meio de semana. Ele conta com os longos períodos que teve sem compromissos, por causa das rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo e pelo adiamento do jogo contra a Chapecoense, para amenizar o desgaste físico dos titulares.

Quem continuará como desfalque é o lateral esquerdo Guilherme Arana, que chegou a ser cotado até para participar do clássico da Vila Belmiro. O prata da casa ainda não se recuperou completamente de uma lesão muscular na coxa esquerda e cederá espaço para o improvisado Marciel mais uma vez.

Com a equipe que fracassou no clássico, Carille conta com uma boa apresentação contra o Racing para resgatar a confiança dos corintianos para o Brasileiro. “O ambiente vinha sendo muito positivo. Tenho certeza de que os torcedores vão nos apoiar e que faremos por merecer dentro de campo”, disse o treinador, respeitando o adversário. “É um jogo complicado. Eles estão apresentando uma linha com cinco defensores, com dois pivôs, e vão procurar jogar no nosso erro”, previu.

Com três derrotas e apenas uma vitória no segundo turno do Campeonato Brasileiro, desempenho ruim o suficiente para deixar alguns torcedores desconfiados, o Corinthians tentará esquecer momentaneamente a disputa pelo título nacional a partir das 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira. A partida contra o Racing, da Argentina, é válida pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Ainda que o torneio continental não seja a prioridade do Corinthians, o técnico Fábio Carille avisou já após o tropeço por 2 a 0 diante do Santos, no domingo, na Vila Belmiro, que não preservaria nenhum atleta neste meio de semana. Ele conta com os longos períodos que teve sem compromissos, por causa das rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo e pelo adiamento do jogo contra a Chapecoense, para amenizar o desgaste físico dos titulares.

Quem continuará como desfalque é o lateral esquerdo Guilherme Arana, que chegou a ser cotado até para participar do clássico da Vila Belmiro. O prata da casa ainda não se recuperou completamente de uma lesão muscular na coxa esquerda e cederá espaço para o improvisado Marciel mais uma vez.

Com a equipe que fracassou no clássico, Carille conta com uma boa apresentação contra o Racing para resgatar a confiança dos corintianos para o Brasileiro. “O ambiente vinha sendo muito positivo. Tenho certeza de que os torcedores vão nos apoiar e que faremos por merecer dentro de campo”, disse o treinador, respeitando o adversário. “É um jogo complicado. Eles estão apresentando uma linha com cinco defensores, com dois pivôs, e vão procurar jogar no nosso erro”, previu.

De fato, o Racing será cauteloso na esperança de obter um bom resultado, mas não a ponto de repetir a bem-sucedida retranca do Atlético-GO, por exemplo, em Itaquera. “É um campo complicado, mas temos que fazer o nosso jogo, sem ficar tão atrás. O Corinthians é uma equipe poderosa, forte dentro de casa, que sempre luta por coisas importantes”, comentou o volante uruguaio Arévalo Ríos, com a experiência de quem já atuou no futebol brasileiro, pelo Botafogo, em 2011.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X RACING

Local: Estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 13 de setembro de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Éber Aquino (PAR)
Assistentes: Milciades Saldivar (PAR) e Dario Gaona (PAR)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Marciel; Gabriel, Maycon, Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô
Técnico: Fábio Carille

RACING: Musso; Solari, Vittor, Barbieri, Orban e Soto; Pulpo González, Arévalo Ríos e Zaracho; Lisandro López e Triverio
Técnico: Diego Cocca

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *